quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Genevive&Eu


Certa noite enquanto voltava da faculdade e conversava diversos assuntos com minha amiga Joelma. Uma garota roubou minha atenção quando entrou no ônibus - confesso que o que chamou minha atenção foi o que ela carregava. Um gatinho. Era o sinônimo de fofura. Ela o abraçava e o chamava por um nome que não lembrarei agora, mas que começava com ´´ sr..´´ Fiquei namorando esse gatinho enquanto olhava seu reflexo no vidro - para não olhar diretamente. 


Ao longo da viagem eu ensaiava como iria falar com ela e perguntar tudo sobre ele. Por sorte a garota só foi descer no meu terminal. Meu estômago revirava de ansiedade e vergonha - pensei em desistir, contudo eu o desejava e com o incentivo de Joelma, fui falar com a garota que me passou o nome da loja e o preço. Na mesma semana estava com o meu em meus braços. 


A batizei de Genevive. E tenho muuuuito ciumes dela. Não deixo que ninguém a pegue - principalmente quem quer apertar ou bater. Esse post não foi só para apresentá-la à vocês, mas também para mostrar que vale a pena se arriscar. Engolir a ansiedade e ir atrás do que se deseja. Quantas vezes você já abriu mão de falar com alguém de seu interesse porque estava com vergonha? Não deixe que isso se repita. O pior que pode acontecer é a pessoa dizer não, mas na melhor das hipóteses você vão pra casa juntos. Igual a Genevive e eu.


Bjos e até Breve o/ 


Nenhum comentário:

Postar um comentário