domingo, 8 de novembro de 2015

Dezenove

Se você por algum motivo não leu o post dos meus dezoito anos clique aqui .



Olhando para a tela do computador durante longos minutos pensando como começar. Tanto aconteceu nesses 12 meses. Me formei no ensino médio. Entrei para a faculdade dos sonhos. Entrei em um relacionamento sai... entrei em outro que durou quatro meses e acabou agora estou apaixonado mais uma vez e dessa vez sem um futuro palpável. Fui modelo duas vezes com direito a passarela e coreografia. Atuei como figurante em um filme. Organizei meu primeiro editorial de moda. Comecei a trabalhar. Descobri quem é - A... tanta coisa, mas tão pouco perto de tudo que eu pretendo alcançar um dia. 
De certa forma todas essas experiencias me fizeram amadurecer, mas de alguma forma continuo gostando das mesmas coisas e tendo os mesmo desejos. Aquele garoto que se agarra nos pequenos detalhes e continua sonhando com o verdadeiro amor. Que idealizava o ensino médio, mas que agora caminha para o 3º semestre da faculdade. Atualmente o apoio que eu recebo é muito maior e é isso é tremendamente gratificante. Meu relacionamento com minha mãe também vem evoluindo cada dia mais. 

Só tenho agradecer a Deus por tudo de bom que vem acontecendo. Claro que nem tudo são rosas e há muitos momentos difíceis que você pensa em se esconder debaixo das cobertas até que tudo desapareça, mas no final do dia tudo está superado. Pessoas maravilhosas passaram por minha vida me deixando lições importantes outras entraram de uma maneira tão promissora que com certeza permaneceram por muito tempo. 
Também realizei pequenas vontades como por exemplo conseguir uma miniatura da Ariel. Ter meu próprio livro do Arraso.. minhas Monster Highs e até mesmo aquilo que não estava na lista como uma festa surpresa inspirada em Meninas Malvadas. Muito carinho. 

Tenho evoluído. Alguns dizem que eu mudei. Que estou mais sério, mas como diria aquela música que escondo no meu pendrive e escuto sozinho:

´´...Estou gostando mais do jeito que sou. ´´

Não sei o que me espera nesses próximos 12 meses. Realmente não sei. Estarei de braços abertos para essas novas aventuras e que a cada dia que passe eu esteja mais próximo do meu verdadeiro amor e mais que isso... do meu verdadeiro Eu. 


Bjos e até Breve o/

Nenhum comentário:

Postar um comentário